facebook
Loading
Música · Sábado 3 de Novembro de 2007
21h30 · Grande Auditório· Duração 1h30

Le Désert
Concerto integrado no ciclo ‘Os Filhos de Abraão’


Folha de Sala (pdf)

Classificação: M/6

Le Désert, do compositor francês Félicien-César David (1810-1876), que fecha este concerto, justifica a sua inclusão no ciclo Os Filhos de Abraão. É uma obra para narrador, tenor, coro e orquestra, que descreve o caminho de uma caravana no deserto, onde também ocorre uma tempestade, se ouvem canções glorificando Alá, ou o chamamento à oração pelos muezzin. A obra teve um êxito enorme aquando da sua estreia, em 8 de Setembro de 1844, e foi apresentada no São Carlos em 1848. Instalou um novo género de música orientalizante, diversa das turqueries muito em moda no século XVIII, que influenciou compositores como Bizet, Delibes, Saint-Saëns e Messiaen, entre outros. Berlioz admirava a orquestração da obra.
Na primeira parte deste concerto serão apresentadas as obras Une Nuit à Lisbonne e Suite Algérienne, op.60 de Camille Saint-Saëns.

 

Tenor Mário João Alves
Narrador Diogo Dória
Direcção musical Nader Abbassi
Coro do Teatro Nacional de São Carlos
Orquestra Sinfónica Portuguesa
Co-produção Culturgest, Teatro Nacional de São Carlos

 

Camille Saint-Saëns
Une Nuit à Lisbonne, op. 63
Suite Algérienne, op.60

(intervalo)

Félicien-César David
Le Désert, para tenor, narrador, coro e orquestra

 

The first half of the concert will consist of Une Nuit à Lisbonne and Suite Algérienne by Camille Saint-Saëns.
Le Désert, by Félicien-César David (1810-1876), closes this concert. A work for narrator, tenor, choir and orchestra, it describes a desert caravan journey and was hugely successful when first performed in 1844. It established a new musical form influencing Bizet, Delibes and others, and admired by Berlioz.

ald
© 2010 Culturgest