facebook
Loading
arquivo > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
Conferência Quinta 21 de Fevereiro de 2008
18h30 · Pequeno Auditório

Stuart Bailey
Conferência em torno dos livros Frances Stark: Collected Works e Appendix Appendix

bailey

 

Informações
21 790 51 55
culturgest@cgd.pt

 

Nesta conferência, Stuart Bailey discute o processo de concepção de dois livros de que é co-autor: Frances Stark: Collected Works, que acompanha a exposição retrospectiva do trabalho da artista agora apresentada na Culturgest, e Appendix Appendix, feito em colaboração com o artista Ryan Gander. Apesar dos paralelismos e similaridades entre os dois livros, eles resultaram em objectos muito diferentes. Stuart Bailey aborda o modo como pressupostos idênticos são postos em prática de duas maneiras distintas, em função, por um lado, das diferenças em termos de conteúdo e de temperamento entre as obras daqueles dois artistas, e, por outro, da natureza das relações interpessoais que o ligam a eles. Trata-se, em última instância, de averiguar como forma e conteúdo, ou a vida e o trabalho, se interrelacionam.

 

Stuart Bailey licenciou-se em tipografia e comunicação gráfica pela Universidade de Reading em 1994, tendo prosseguido os seus estudos, alguns anos mais tarde, na Werkplaats Typografie em Arnhem. Neste mesmo ano, fundou, juntamente com Peter Bilak, a revista de artes Dot Dot Dot. A par da produção de livros em colaboração com artistas como Paulina Olowska, Ryan Gander e Frances Stark, tem estado envolvido em diversos projectos artísticos. Em colaboração com Will Holder, e sob o nome composto Will Stuart, produziu uma série de exposições, nomeadamente Franny and Zooey (De Appel, Amesterdão, 2004) e The Boys’ Room (Marres, Maastricht, 2005), assim como a série de publicações e eventos intitulada Tourette’s (de 2004 em diante). Em colaboração com David Reinfurt, fundou em 2004 o projecto Dexter Sinister, com espaço próprio numa cave em Nova Iorque, que funciona como livraria ocasional e organiza diversas actividades relacionadas com o que se poderá vagamente designar como “actividade editorial”. O projecto Dexter Sinister deu-se a conhecer, este ano, na Bienal de Lyon e na exposição colectiva Wouldn’t it be Nice..., no Centre d’Art Contemporain de Genève, e irá integrar no próximo ano a Bienal de Whitney, em Nova Iorque.

 

In this lecture Stuart Bailey discusses the process of making two books of which he is co-author: Frances Stark: Collected Works, which accompanies the retrospective exhibition of this artist’s work presented at Culturgest, and Appendix Appendix, made in collaboration with Ryan Gander. Ultimately, Stuart Bailey explores how form and content, or equally, life and work, are intertwined.
Stuart Bailey is an artist and graphic designer. In 2000, he co-founded the arts journal Dot Dot Dot with Peter Bilak. Alongside the ongoing production of books with artists such as Paulina Olowska, Ryan Gander and Frances Stark, he has recently been involved in a number of broader projects, including the production of exhibitions, events and publications in collaboration with Will Holder under the composite name Will Stuart. Together with David Reinfurt, he co-founded Dexter Sinister, a “just in time workshop and occasional bookstore” in New York, which is involved in various activities loosely encompassed by the term “publishing”. Dexter Sinister was included in the 2007 Lyon Biennial and will feature in the forthcoming 2008 Whitney Biennial.

© 2011 Culturgest