facebook
Loading
arquivo > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
Jazz · Sexta 5 de Dezembro de 2008
21h30 · Pequeno Auditório· Duração 1h30

Carlos Zíngaro
Ciclo ISTO É JAZZ? Comissário Pedro Costa.


© Nuno Martins
Classificação: M/12

Carlos Zíngaro é sem dúvida o mais internacional e respeitado músico de jazz / música improvisada em Portugal. O seu percurso desde a década de 1970 ao lado de músicos como Anthony Braxton, Richard Teitelbaum, Fred Frith, Derek Bailey, Joëlle Léandre, Otomo Yoshihide, George Lewis e Daunik Lazro, os seus mais de cinquenta discos editados e as inúmeras distinções que recebeu na crítica internacional demonstram um notável percurso musical.
Estudou musicologia, música electro-acústica e música contemporânea (teatro-música), designadamente na Universidade Técnica de Wroclaw (Polónia) e na Creative Music Foundation (Nova Iorque) onde contactou com Anthony Braxton e Richard Teitelbaum.
Foi pioneiro em Portugal na utilização das novas tecnologias na composição e interacção em tempo real. Toca nos mais importantes festivais e concertos de "improvisação" e "nova música" na Europa, América e Ásia, apresenta-se em solo ou em grupos com os compositores / músicos internacionalmente mais significativos nestas áreas musicais.
Paralelamente colaborou com diversos coreógrafos, encenadores e realizadores como Olga Roriz, Vera Mantero, Giorgio Barberio Corsetti, Ricardo Pais, Ludger Lamers e Francis Plisson.
A seu lado neste concerto estará um dos mais excitantes improvisadores franceses dos ultimos anos, o acordeonista Pascal Contet.
Contet estudou na Alemanha (Musikhochule de Hanover) e na Dinamarca (Conservatório Real de Copenhaga).
Ao seu repertório habitual de concerto a solo (com obras de grandes nomes da música erudita, contemporânea ou barroca, como Gubaidulina, Kagel, Donatoni, Bartók, Couperin, Scarlatti, Monteverdi), juntou, depois de 1992, as criações de Ballif, Berio, Bedrossian, Cavanna, Drouet, Fedele, Fénelon, Françaix, Globokar, Jodlowsky, Moultaka, Monnet, Naon, Rebotier e Torres-Maldonado.
Tal como Zíngaro, o seu percurso musical é marcado pelas constantes cumplicidades com outras formas artísticas como a dança contemporânea, o teatro, as artes visuais e pela persitente pesquisa de novos sons e novas fronteiras.

 

Violino Carlos Zíngaro
Acordeão Pascal Contet

 

Internationally, Carlos Zíngaro is Portugal’s most respected and best-known jazz musician. He has worked with the likes of Anthony Braxton, Richard Teitelbaum, Fred Frith, Derek Bailey, Joëlle Léandre, Otomo Yoshihide, George Lewis and Daunik Lazro, and has released over fifty CDs.
He studied musicology, electo-acoustic and contemporary music in Poland and New York, and pioneered new technologies for real-time interaction and composition in Portugal. He has also worked with choreographers, plus theatre producers and directors.
With him will be one of France’s most exciting improvisers, accordionist Pascal Contet, who usually plays Baroque or contemporary erudite music.

© 2010 Culturgest