facebook
Loading
arquivo > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
Teatro · Sexta 22, Sábado 23 e Domingo 24 de Maio de 2009
Pequeno Auditório e Palco do Grande Auditório

PANOS
palcos novos
palavras novas


Escudos Humanos pelo Teatro Reticências (2008) © Sérgio Salgueiro
Classificação: M/12

Três novas peças foram encenadas por mais de trinta grupos espalhados pelo país. Na sua quarta edição, os PANOS continuam a juntar a nova dramaturgia ao teatro escolar ou juvenil. Os actores têm entre os 12 e os 18 anos, os espectáculos não duram mais de uma hora. E os autores Abi Morgan, Miguel Castro Caldas e Tiago Rodrigues juntam-se a uma lista que já inclui Hélia Correia, Jacinto Lucas Pires, Mark Ravenhill, Alexandre Andrade, Armando Silva Carvalho, Ali Smith, Dennis Kelly, Letizia Russo, Luísa Costa Gomes e Patrícia Portela.
Fez-se o habitual workshop de Novembro, com os encenadores Jonathan Humphreys, Gonçalo Amorim e Pedro Gil a trabalharem cada um em volta de um texto com os responsáveis dos grupos e a presença dos autores portugueses. Seguiu-se o período de ensaios, com estreias até ao fim de Abril. E agora é altura de apresentar, num festival de encerramento que dura um fim-de-semana alargado, dois espectáculos (dois exemplos) de cada texto, escolhidos por um comité de selecção. Haverá ainda festivais em Viseu (Teatro Viriato), Guimarães (Teatro Oficina), Coimbra (Teatrão) e Santarém (Teatro Sá da Bandeira). Será editado um volume com os textos. E em breve começa novo ciclo: pede-se aos interessados que fiquem atentos à página dos PANOS.

Kodjo tem 14 anos mas ninguém acredita nele. Ara vem de Bagdad e ainda ouve as bombas à noite. Chang consegue dar mortais para trás e vem de uma aldeia na China que tem mais de mil anos. Todos têm as suas histórias e os seus segredos. A mãe de Chang morreu no camião a caminho do Reino Unido. Kodjo é o rapaz que acabou de chegar. Juntos contam a sua história: uma infância perdida, árvores altas e um assassínio em movimento, cometido por uma criança que toda a gente diz que é um homem. Apenas mais um entre os menores desacompanhados que chegam a Londres. É assim Refuga, de Abi Morgan, escrita para o Connections do National Theatre de Londres, o programa em que os PANOS se inspiraram.
Miguel Castro Caldas, a propósito de Nós numa corda, diz coisas como estas: “Lembram-se daquele caso do telemóvel que foi filmado e tudo? Da professora e da aluna? No meu tempo não havia telemóveis, claro, mas nunca nenhum professor me tirou nada. Os professores davam. Davam notas, davam faltas, davam fotocópias, davam o livro de ponto ao pessoal auxiliar. Os alunos é que tiravam: boas notas, negativas, tiravam coisas uns aos outros. Mas mudou alguma coisa? A escola, quando se vai lá, aquilo está sempre cheio de alunos. Que nunca crescem. Têm sempre mais ou menos quinze anos. Ou são os alunos que estão de passagem, e os professores a vê-los passar. Cada um puxa a corda para o seu lado, ou o telemóvel. Quem dá e quem tira, quem percorre os corredores? Ou serão os corredores a percorrê-los?”
Coro dos maus alunos de Tiago Rodrigues é a história de um velho professor de filosofia com uma “alma jovem”, fã de controvérsias e promotor do espírito crítico dos seus alunos em relação à escola. Acusado de os confundir e de manter com eles relações que ultrapassam os limites de uma relação entre professor e aluno, o professor é submetido a um processo. Esta é uma variação contemporânea sobre o julgamento de Sócrates, ocorrido em plena democracia ateniense. Tal como em Atenas, é pela voz dos alunos que conhecemos, distorcida e interpretada, a vida do velho professor e a história do seu julgamento. Resta aos alunos registar e tornar pública a injustiça que testemunharam. No entanto, é necessário primeiro garantir que são ouvidos por todos.

 

Sexta 22 de Maio
18h30 Pequeno Auditório
CORO DOS MAUS ALUNOS de Tiago Rodrigues
Escola de Teatro da Arte Viva – Companhia de Teatro do Barreiro (Turma de Continuidade)
22h00 Palco do Grande Auditório
NÓS NUMA CORDA de Miguel Castro Caldas
Fazigual do Agrupamento Vertical de Escolas de Avis

Sábado 23 de Maio
15h30 Pequeno Auditório
PANO PARA MANGAS – conversa com os autores e os grupos
18h30 Palco do Grande Auditório
CORO DOS MAUS ALUNOS de Tiago Rodrigues
Turma do 9º B e Clube de Teatro da EB 2,3 El Rei D. Manuel I (Alcochete)
22h00 Palco do Grande Auditório
REFUGA de Abi Morgan
Na Xina Lua da ES Tondela

Domingo 24 de Maio
15h30 Pequeno Auditório
NÓS NUMA CORDA
Grupo de Teatro Persona da EB 2,3/S de Moimenta da Beira
18h30 Palco do Grande Auditório
REFUGA
Alunos do projecto Classes de Teatro d’O Teatrão (Coimbra)

 

PANOS commissions and translates new plays for young people, inspired by the National Theatre of London’s Connections project. Now in its fourth year, a selection from over 30 shows produced all across the country by school and youth theatre groups will be presented in a festival at Culturgest. The plays were written by Abi Morgan (originally for Connections), Miguel Castro Caldas and Tiago Rodrigues. A book will be published with all three scripts.

© 2010 Culturgest