facebook
Loading
arquivo > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
PANOS
palcos novos
palavras novas
destaque
Belavista de Lisa McGee. Classes de Teatro d’O Teatrão (PANOS 2010) © Fábio Rocha
TEATRO
SEX 20, SÁB 21, DOM 22
DE MAIO
Pequeno Auditório
e Palco do Grande Auditório
M12 · 2,5 Euros (preço único)
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.

Dentro de mim fora daqui de Filipe Homem Fonseca

Desligar e voltar a ligar de Margarida Vale de Gato e Rui Costa

Filhos de Assassinos de Katori Hall

PANOS é um projecto da Culturgest que junta a nova dramaturgia ao teatro escolar ou juvenil. Na sua sexta edição, reúne quarenta grupos de todo o país que encenam uma das três peças propostas, escritas de propósito para serem representadas por adolescentes: dois originais portugueses e um texto traduzido do Connections 2011, programa do National Theatre de Londres em que os PANOS se inspiram.
Seis jovens encontram uma mala. Dentro, o futuro de todos eles. A hipótese, pelo menos. A expectativa de mudança traz ao de cima a natureza de cada um, impõe dúvidas e exige decisões extremas. Dentro de mim fora daqui, de Filipe Homem Fonseca, é uma história de fé e egoísmo, da procura pelo que cada um espera encontrar dentro de si, por mais longe que o dentro esteja. Contada e vivida pelos protagonistas em vários tempos que se misturam e diluem, mostra o inconformismo de quem não espera nada mas às vezes exige coisas.
Desligar e voltar a ligar, de Margarida Vale de Gato e Rui Costa, é a oportunidade para conhecer Alice, que se esforça por levar as alternativas do mundo às suas últimas consequências; o namorado Fred, um Rastafari que se esforça por apreciar miúdas com pêlos; Allan, que se interessa pela evolução de Alice enquanto ele próprio se transforma em jaguar; Mike Tyson, o pugilista que já não bate, mas investe, e tem na mira Cleópatra, a galinha que põe ovos transparentes; e Zipo, o hacker, que será seduzido por Alice para o seu radical apagamento.
Filhos de Assassinos, escrita originalmente para o Connections pela dramaturga norte-americana Katori Hall, fala do futuro próximo de uma tragédia recente. Anos depois do genocídio tutsi, os assassinos libertados pelo presidente do Ruanda começam a regressar às suas aldeias. Três amigos – nascidos durante o rescaldo sangrento do genocídio – preparam-se para conhecer os homens que lhes deram vida. Mas à medida que o dia do regresso se aproxima os rapazes são assombrados pelos crimes dos pais. Em quem nos podemos tornar quando a violência é a nossa herança?
Neste fim-de-semana de Maio apresentam-se em festival dois espectáculos de cada peça e publica-se um volume com os textos. Tudo começou há seis meses, num fim-de-semana em que os encenadores dos grupos, os autores e um encenador convidado por cada texto trabalharam sobre as peças em workshops paralelos, pondo perguntas, lançando pistas. Este ano os encenadores-orientadores foram Gonçalo Waddington (para Dentro de mim fora daqui), Paula Sá Nogueira (para Desligar e voltar a ligar) e James Dacre (para Filhos de Assassinos). Seguiu-se o período de ensaios (cada grupo no seu espaço) e as estreias decorreram até ao fim de Abril. Um comité de selecção escolheu os seis espectáculos que agora vamos ver. Mas são apenas exemplos, há mais espectáculos e mais festivais PANOS: no Teatro Sá da Bandeira em Santarém, n’O Teatrão de Coimbra, no Teatro Oficina de Guimarães e no Teatro Municipal de Faro. As inscrições para o novo ciclo começam em breve...

 

Programa

 

Sexta 20 de Maio
18h30, Pequeno Auditório
Filhos de Assassinos
Sexta Insónia/Agrupamento de Escolas Engº Nuno Mergulhão (Portimão)

 

21h30, Palco do Grande Auditório
Desligar e voltar a ligar
Classes de Teatro d'O Teatrão (Coimbra)

 

Sábado 21 de Maio
15h30, Sala 2
Pano para mangas – conversa com os autores

 

18h30, Pequeno Auditório
Dentro de mim fora daqui
Associação Gilteatro (Alcochete)

 

21h30, Palco do Grande Auditório
Filhos de Assassinos
Na Xina Lua da ES Tondela

 

Domingo 22 de Maio
15h30, Pequeno Auditório
Filhos de Assassinos
Turmas de Iniciação Teatral do Teatro Oficina (Guimarães)

 

18h30, Palco do Grande Auditório
Dentro de mim fora daqui
Grupo de Teatro Juvenil do Teatro Virgínia (Torres Novas)

PANOS commissions and translates new plays for young people, inspired by the National Theatre of London’s Connections project. Now in its sixth year, a selection from 40 shows produced all across the country by school and youth theatre groups will be presented in a festival at Culturgest.
In the play by Katori Hall (originally written for Connections), the murderers who perpetrated the Tutsi genocide in Ruanda return home, haunting the new generation; in the text by Filipe Homem Fonseca, six young people find a bag that contains inside it the future of them all; and Margarida Vale de Gato and Rui Costa introduce us to Alice, Fred, Allan, Zipo and Cleópatra, a chicken who lays transparent eggs and arouses the interest of Mike Tyson.
© 2011 Culturgest