Loading
arquivo > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
JAZZ
Satoko Fujii
Ciclo “Isto é Jazz?” · Comissário: Pedro Costa
destaque
SEX 20 DE JANEIRO
Pequeno Auditório
21h30 · Duração: 1h
5€ (preço único)
M12
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.
Piano Satoko Fujii

Nos últimos anos, não só a pianista e compositora Satoko Fujii tem rapidamente imposto o seu nome nos circuitos internacionais da música criativa como se tornou num dos expoentes de uma nova caracterização do músico do século XXI: vem adotando as mais diversificadas linguagens musicais, da erudita contemporânea ao rock alternativo, com passagens pelo jazz e pela tradição nipónica.
Nascida (1959) e residente em Tóquio, mas adotada pela cena nova-iorquina como uma das suas mais ilustres representantes, conta já com cerca de 50 discos enquanto líder ou colíder, cobrindo um variado tipo de combinações instrumentais, do seu aclamado trio com Mark Dresser e Jim Black ao formato big band com participantes japoneses. Podemos ouvi-la nas melhores companhias: as de Natsuki Tamura, Larry Ochs, Carla Kihlstedt, os também pianistas Myra Melford e Misha Mengelberg, Ted Reichmann, para só mencionar alguns. Estudou na Berklee College of Music de Boston e no New England Conservatory onde os seus mestres foram George Russell, Cecil McBee e Paul Bley.
Satoko Fujii tem surpreendido por propor uma música que desafia os rótulos e é iminentemente inovadora e inconformista, ainda que no seguimento da ancestralidade do país do Sol Nascente, sobretudo a popular, e da história do jazz, com um apreço particular pelos pioneiros da estética free.
O trio que mantém com o contrabaixista Mark Dresser e o baterista Jim Black conta já com sete discos editados, e tem recorte que se pode apelidar de camerístico, já o Satoko Fujii Quartet entra nos domínios do rock, tendo na bateria um elemento dos Ruins, Tatsuya Yoshida. Fujii lidera quatro orquestras, uma em Nova Iorque e as outras em Tóquio, Nagoya e Nobe, com músicos cujos perfis lhe permitem abordagens bem distintas. Com Tamura partilha cinco projetos, um duo, um trio com a inclusão de John Hollenbeck, Junk Box, e três quartetos, Gato Libre, em que toca acordeão, ma-do e First Meeting.

 

 

Satoko Fujii é uma pianista inovadora e destemida que tanto desfruta um free jazz agitado como aprecia compor peças mais suaves e mais líricas…
Matt Cibula, Global Rhythm

 

O mundo musical de Fujii é um caleidoscópio; quem conhece o seu trabalho já se habituou a esperar o inesperado. Se há artista de quem se possa dizer que vai ao encontro das expectativas iludindo-as, ela é esse artista.
Mike Chamberlain, Coda

 

Imprevisível, exaltadamente criativa e descomprometida (…) ouvir Fujii é essencial para quem quer que se interesse pelo futuro do jazz.
Dan McClenaghan, All About Jazz

 

A música dela apreende a exuberância e a frescura das experiências novas.
Satoshi Kojima, Strange Days

 

Desde o seu aparecimento na cena do jazz em meados dos anos 90 que a pianista Satoko Fujii rapidamente se afirmou como uma das vozes mais cativantes e excitantes do jazz de vanguarda. (...)
JazzEd

Born in Tokyo in 1959, where she still continues to live, the pianist and composer Satoko Fujii studied at the Berklee College of Music in Boston and the New England Conservatory, rapidly establishing a reputation in the world of modern creative music and being fondly adopted by the New York music scene. She works in a variety of different languages, ranging from alternative rock to jazz and traditional Japanese music, and has already recorded more than 50 albums, playing in trios and big bands and producing highly innovative and non-conformist music that is difficult to label.
Carbonozero
© 2012 Culturgest