Loading
arquivo > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
DANÇA
Hoje
Nova criação de Tiago Guedes
destaque
© Patrícia Bento
SEX 6, SÁB 7 DE DEZEMBRO
Grande Auditório
21h30 · Duração aprox.: 1h15
12€ · Até aos 30 anos: 5€
M12
No sábado 7, após o espetáculo, haverá uma conversa com o coreógrafo na Sala 2.
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.
Direção artística e construção coreográfica Tiago Guedes
Assistência de direção artística Pietro Romani
Interpretação e coreografia Anaísa Lopes, Ângelo Cid Neto, António Onio, Jonas Lopes, Marcella Mancini, Marco da Silva Ferreira e Teresa Silva
Desenho de luz e direção técnica Carlos Ramos
Desenho de som Lorenzo Senni
Produção Materiais Diversos
Coprodução Culturgest (Lisboa), Teatro Nacional São João (Porto), Centro Cultural Vila Flor (Guimarães), Teatro Virgínia (Torres Novas)
Antestreia Teatro Virgínia, Torres Novas, 30 de novembro de 2013
Estreia Culturgest, Lisboa, 6 e 7 de dezembro de 2013

Hoje integra o Ciclo Tiago Guedes 2003-2013 | 10 anos de Materiais Diversos, desenhado pela associação do mesmo nome em comemoração da obra coreográfica do seu diretor artístico, incluindo quatro espetáculos a apresentar entre 12 de novembro e 14 de dezembro em diversos espaços culturais de referência.

 

Passaram-se cinco anos desde a minha última criação, Coisas Maravilhosas, que estreou na Culturgest em 2008.

Tempo para me desligar do a priori que traçava o meu trabalho, do air du temps e para me desprender da máquina de produção. Tempo tão necessário para não repetir fórmulas.

Responder às pulsões de hoje, do que sou agora, de como estou neste momento e de como estão aqueles que comigo trabalham é a motivação pessoal e artística que me leva a mergulhar neste novo desafio. Ir ao encontro de um estar que não revisito há bastante tempo – ser coreógrafo, atirar-me ao movimento na sua totalidade (onde corpo e voz são matéria de trabalho), encontrar um grupo de bailarinos e uma equipa artística que me ajudam a construir este espetáculo – o entusiasmo da criação.

Hoje vivemos tempos conturbados. Não sabemos bem onde pomos os pés e que textura tem esse terreno. Umas vezes é sólido, outras lamacento, outras de areias movediças. Este é um dos pontos de partida: um grupo de jovens bailarinos pisa um chão incerto, um chão que é transformado e os transforma pelo peso que exercem sobre ele.

Neste palco falar-se-á de instabilidade, manifestação, contestação, reivindicação, decisões conjuntas, mobilização e confrontação, mas também de como nos refugiamos de tudo isto e nos reencontramos, em recato, connosco.

Tiago Guedes, 2013

 

 

 

Coprodução apoios

It is five years since my last creation, Coisas Maravilhosas, was premièred at Culturgest in 2008. Time enough to free myself from the production machine. Time too valuable to repeat formulas. My personal and artistic motivation is to respond to today’s impulses, while revisiting a fairly distant past – being a choreographer, throwing myself into movement in its entirety, encountering a group of dancers and an artistic team who helped me to construct this performance. We live in troubled and uncertain times; the ground keeps slipping from under our feet. This is the starting point for the show.
Carbonozero
© 2013 Culturgest