arquivo > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
MÚSICA
Kachupada
Carmen Souza
destaque
SEX 17 DE JANEIRO
Grande Auditório
21h30 · Duração: 1h
14€ · Até aos 30 anos: 5€
M3
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.
Voz Carmen Souza Contrabaixo Theo Pas’Cal
Percussões
Elias Kakomanolis Piano Ben Burrell

Carmen Souza nasceu em Lisboa (1981) de uma família cabo-verdiana. Cresceu falando crioulo e português, rodeada da maneira de viver dos seus pais. Autodidata, cantou num grupo português de gospel.

Descoberta, aos 17 anos, pelo baixista Theo Pas’Cal, que se tornou no seu produtor e mentor, rapidamente constrói um som inconfundível, servido por um timbre e uma técnica vocal únicos e de grande beleza, uma grande amplitude de voz, que vai buscar as suas raízes à cultura cabo-verdiana, mas também aos ritmos tradicionais africanos ou ao jazz (tem-se apresentado em alguns dos mais reputados festivais de jazz internacionais).

Com uma carreira fulgurante, gravou já seis discos, o último dos quais, Kachupada, está na base do concerto desta noite.

Carmen Souza tem feito digressões pela Europa, Estados Unidos, África, Japão ou Coreia, com atuações louvadas pela crítica e recebidas com entusiasmo pelo público. Os seus discos também têm merecido excelentes referências nos meios de comunicação e várias recompensas.
Carmen Souza é uma artista com um talento imenso e uma originalidade surpreendente.

 

 

A voz de Souza paira e precipita-se sobre as melodias de uma forma encantadora e cativante. Pode cantar em scat [técnica criada por Louis Armstrong que consiste em cantar sem palavras, com palavras sem sentido ou sílabas, como “ba ra ba bum”] ou fazer qualquer outra coisa e tudo soa simplesmente como a música mais deslumbrante que ouviu na sua vida.

The Joy Of Violent Movement

 

Carmen Souza é difícil de classificar, mas fácil de gostar.

Aurgasm

Born in Lisbon in 1981, Carmen Souza grew up speaking Creole and Portuguese and began singing gospel in a Portuguese group. Discovered by the bass player Theo Pas’Cal, who became her producer and mentor, she soon created her own unmistakable sound, with a voice range rooted not only in her family’s Cape Verdean culture, but also in traditional African rhythms or jazz. With an already glittering career, she has recorded six albums, and her latest release, Kachupada, forms the basis for tonight’s concert. Highly acclaimed by the critics, Carmen Souza is a huge and surprisingly original talent.
© 2014 Culturgest