arquivo > 2016 > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
MÚSICA
Hootenanny
Ciclo comissariado por Ruben de Carvalho
 
DE SEX 30 DE JANEIRO
A QUA 4 DE FEVEREIRO
M6
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.

A universalidade da herança musical afro-americana é um dado reconhecido, mas a verdade é que é sobretudo o legado e influência do jazz que ocorrem na sequência daquela constatação. Do simples aparecimento de intérpretes e formações inteiramente a ele dedicadas à influência exercida sobre outros criadores e expressões musicais, não houve distâncias oceânicas que fossem barreira à estimulante sedução do resultado do encontro entre as tradições musicais africana e europeia verificado em terras americanas.

Contudo, e apesar do seu papel determinante na formação e percurso do jazz, o mesmo não aconteceu com os blues. Talvez porque relevam de forma especialmente profunda da identidade africana, afro-americana, negra, gerando, numa aparente simplicidade, uma linguagem exigente, repleta de expressividade, emoções e sentimentos. E não deixa de ser significativo que a sua inquestionável influência na música popular contemporânea se tenha feito essencialmente através dos mais dançáveis rhythm & blues, uma evolução musical fruto da urbanização e da migração negra do Sul original para as cidades maioritariamente brancas do Norte dos EUA. Os r&b – e o rock que deles nasceu – são hoje praticamente universais, mas os blues como que parecem querer manter-se identificados, de forma própria, constante, exigente, às raízes afro-americanas em que nasceram. Impondo, para a sua criação ou fruição, uma profunda e sentida ligação ao seu universo de músicas e vidas.

É por isso particularmente interessante encontrar blues fora do seu berço natal e, sobretudo, escutar o diálogo, a forma como os sentem músicos com diferentes origens e influências.

Em 2015, o Hootenanny completa – indispensavelmente! – o seu programa com blues vindos de um dos seus mais ricos berços – Chicago. Mas iremos também saber de migrações europeias – Suíça e Espanha!

 

Sexta 30 de janeiro

Ronnie Baker Brooks

 

Segunda 2 de fevereiro

Trio Joe Colombo

 

Quarta 4 de fevereiro

Mingo & The Blues Intruders

There is no doubt that the roots of jazz can be found in Afro-American music, but other influences have also been at work. With the blues, however, the African, Afro-American, black identity goes much deeper. And it is curious to note how rhythm & blues, resulting from the migration of the southern black population to the white cities of the north, took the American musical world by storm as it transformed into rock. That is why it is particularly interesting to hear the blues away from its birthplace and listen to the dialogue it establishes with musicians from other origins and influences.
© 2015 Culturgest