arquivo > 2016 > 2015 > 2014 > 2013 > 2012 > 2011 > 2010 > 2009 > 2008 > 2007
TEATRO
El pasado es un animal grotesco
O passado é um animal grotesco
de Mariano Pensotti
destaque
© Almudena Crespo (pormenor)VER IMAGEM
SÁB 11, DOM 12
DE ABRIL
Teatro Maria Matos
21h30 (dom 18h30)
Duração: 1h40
14€ · Até aos 30 anos: 5€ (à venda no Teatro Maria Matos)
M14
Desconto especial
Bilhete conjunto de 18€ para os dois espetáculos de Mariano Pensotti, à venda na Culturgest e no Teatro Maria Matos (desconto não acumulável).

Em espanhol, com legendas
em português.

Uma colaboração Culturgest
e Teatro Maria Matos
Informações
21 790 51 55
culturgest.bilheteira@cgd.pt
Tripadvisor
Mais opiniões sobre Culturgest.
apoio

apoio
Texto e encenação Mariano Pensotti Com Javier Lorenzo, Maria Ines Sancerni, Santiago Gobernori e Laura Paredes Cenário e figurinos Mariana Tirantte Desenho de luz Matías Sendón Coordenação técnica José Ansaldo Operação de luz Alejandro Le Roux Música Diego Vainer Engenheiro de som Ernesto Fara Assistência de encenação Leandro Orellano Produção executiva Florencia Wasser Produção executiva na digressão europeia Judith Martin / Ligne Directe www.lignedirecte.net Produção Grupo Marea Coprodução KunstenfestivaldesArts, Complejo Teatral de Buenos Aires, Theaterformen, Norwich & Norfolk Festival, Festival de Otoño de Madrid
Estreia 18 de março de 2010, Teatro Sarmiento, Buenos Aires

Depois de receberem Béla Pintér, tg STAN e Vera Mantero em simultâneo nas suas salas, o Teatro Maria Matos e a Culturgest apresentam agora um programa duplo de espetáculos que revela ao público lisboeta o premiado autor e encenador argentino Mariano Pensotti.

El pasado es un animal grotesco narra a história de quatro personagens ao longo de 10 anos, de 1999 a 2009, tendo como pano de fundo uma Argentina de profundas transformações económicas e sociais. Através de fragmentos breves e intercalados, contam-se as vidas de quatro pessoas de Buenos Aires desde os 25 aos 35 anos, o momento em que deixamos de ser quem achamos que vamos ser e nos transformamos em quem realmente somos. Cada história é multiplicada em muitas outras e os quatro atores, encerrados num palco giratório, empreendem a heroica tarefa de narrar os diferentes episódios e situações, dando vida a várias personagens. Uma megaficção entre a Nouvelle Vague e as narrativas desmesuradas do século XIX, contada com recursos cénicos mínimos.

 

A peça é uma tapeçaria comovente de experiência humana; o passado pode mesmo ser um animal grotesco, mas Pensotti e os seus engenhosos colaboradores domaram-no e treinaram-no.

David Cote
Time Out, janeiro de 2012

After simultaneously welcoming Béla Pintér, tg STAN and Vera Mantero in their theatres, Teatro Maria Matos and Culturgest now present a double programme by award-winning Argentinian author and theatre director Mariano Pensotti. By means of short and interspersed fragments, El pasado es un animal grotesco [The past is a grotesque animal] tells the story of four people in Buenos Aires between 1999 and 2009, having as background Argentina undergoing profound economic and social change.
© 2015 Culturgest