Este evento já decorreu.

Memoirs

Constelações da Pós-Memória na Europa Pós-Colonial

Memoirs

Constelações da Pós-Memória na Europa Pós-Colonial

Pioneiro no desenvolvimento de investigação sobre o impacto das heranças coloniais nas gerações seguintes em Portugal, França e Bélgica, o projeto Memoirs – Filhos de Império e Pós-Memórias Europeias tem agora a sua apresentação de resultados. O questionamento destas heranças está a diversificar o debate europeu, a renovar a literatura e a arte europeia, a museografia e a curadoria e a densificar formas de intervenção individual e coletiva.

© Mauro Pinto. "Ceci n'est pas facile" (2017) (cortesia do artista).

PROGRAMA

MANHÃ

10:00 Abertura 

10:30-11:30 Pós-Memórias: O passado colonial no presente europeu

Margarida Calafate Ribeiro (CES-UC)

11:30-12:30 Apresentação da plataforma digital de artistas e obras na condição da pós-memória

Fernando Cabral (Sistemas do Futuro)

12:30-13:00 Lançamento de livros coleção Memoirs

PAUSA PARA ALMOÇO

TARDE

14:30-15:30 Mesa redonda - Transmitir a Memória

António Sousa Ribeiro (Diretor do CES-UC), Fátima da Cruz Rodrigues (CES-UC), Graça dos Santos (Universidade de Paris-Nanterre), Hélia Santos (CES-UC), Margarida Calafate Ribeiro (CES-UC)

Moderação: Sandra Inês Cruz

15:30-16:30 Mesa redonda - Representar a Memória

Katia Kameli (artista visual), Aimé Mpane (artista visual), Paulo Faria (escritor), Zia Soares (atriz e encenadora), António Pinto Ribeiro (CES-UC e programador cultural)

Moderação: Vitor Belanciano

INTERVALO

17:00-18:00 Mesa redonda - Expor a memória

António Pinto Ribeiro, Katia Kameli, Aimé Mpane; Guido Gryseels (Diretor do Museu Real de África Central/ AfricaMuseum, Tervuren); Miguel Magalhães (Diretor, Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa); Jean François Chougnet (Presidente do MUCEM, Marselha)

Moderação: Liliana Coutinho

18:00-19:30 Conferência de encerramento e debate - Cidadania da Memória: Legados Polémicos do Colonialismo e do Genocídio.

Michael Rothberg (UCLA-Universidade da Califórnia, Los Angeles)
Em inglês sem tradução simultânea.

Em 2011, Yasemin Yildiz e eu publicámos o ensaio "Memory Citizenship: Migrant Archives of Holocaust Remembrance in Contemporary Germany" num número especial da revista Parallax sobre "Memória Transcultural". Nesse ensaio, recorremos ao conceito de "atos de cidadania" de Engin Isin, especialista do tema da cidadania, para demonstrar como as performances da memória elaboradas pelos imigrantes podem transformar o modo de entender a pertença coletiva. A categoria de "cidadania da memória", no entanto, permaneceu indefinida. Nesta conferência, vou desenvolver esta categoria em três momentos. Primeiro, irei acrescentar alguma precisão conceptual à noção de cidadania da memória, recorrendo ao trabalho adicional de Isin, bem como ao de Jenny Wüstenberg. Em seguida, irei fazer um levantamento do campo atual da cidadania da memória, com particular referência à Alemanha, mas apontando para as suas implicações transnacionais mais vastas. Na parte final, investigarei a natureza contestada da cidadania da memória, recorrendo ao vídeo da escritora Priya Basil Locked In and Out (2020), estreado na inauguração virtual do controverso Fórum Humboldt, em Berlim. O vídeo de Basil estabelece explicitamente uma ligação entre memória e cidadania numa constelação multidirecional, que envolve o Holocausto e o colonialismo. O vídeo oferece uma oportunidade para refletir sobre as possibilidades e os limites da cidadania como modelo para pensar políticas da memória.

© Mauro Pinto, Sem título da série C’est pas facile (cortesia do artista).

04 NOV 2021
QUI 10:00–20:00

Grande Auditório

Entrada gratuita*

*com levantamento de bilhete 30 min. antes do início da sessão (sujeito à lotação da sala)

O colóquio será falado em português, em francês e em inglês.

Tradução simultânea de português - francês e francês - português estará disponível.

Conferência de Michael Rothberg em inglês, sem tradução simultânea.

CURADORIA

Projeto MEMOIRS — Filhos do Império e Pós-memórias Europeias (Centro de Estudos Sociais, Universidade de Coimbra)

MEMOIRS é financiado pelo Conselho Europeu de Investigação (ERC) no âmbito do Programa-Quadro Comunitário de Investigação & Inovação Horizonte 2020 da União Europeia (n.º 648624) e está sediado no Centro de Estudos Sociais (CES) da Universidade de Coimbra. 

Partilhar Facebook / Twitter