DANIEL DEWAR & GRÉGORY GICQUEL

DANIEL DEWAR & GRÉGORY GICQUEL

DANIEL DEWAR & GRÉGORY GICQUEL

Curadoria: Bruno Marchand

Daniel Dewar (Forest of Dean, Reino Unido, 1976) e Grégory Gicquel (Saint-Brieuc, França, 1975) iniciaram a sua colaboração artística no final dos anos 1990, enquanto eram ainda estudantes universitários. O seu percurso começou com a apresentação no espaço público, e sem anúncio prévio, de performances de longa duração (as oito horas de expediente) nas quais reproduziam, uma e outra vez, os mesmos gestos ou as mesmas ações aparentemente simples e mundanas, como fazer ressaltar uma bola no chão ou comer um gelado. Esta ideia de compromisso e de tarefa aliou-se, pouco depois, a uma obsessão pela autonomia produtiva e pela independência de todo o tipo de serviços terceiros, circunstância que os lançou numa épica viagem pela recuperação de misteres tradicionais como o trabalho em terracota, madeira, pedra ou têxtil, e inclusive pela conceção dos próprios instrumentos com que transformam estas matérias.

O resultado deste trabalho oferece-nos vislumbres de um mundo em tudo semelhante ao nosso, apenas ligeiramente distorcido: aumentado, fragmentado, duplicado, fundido, falhado, miscigenado, metamorfoseado, como se estes objetos fossem instâncias de um universo paralelo onde o absurdo não é sinal de uma angústia existencial mas precisamente do seu contrário.

© © Stan Narten. Cortesia dos artistas, CLEARING New York/Brussels, Loevenbruck, Paris & Jan Kaps, Cologne.

29 JAN
– 22 MAI 2022

Galeria
5€

Entrada gratuita aos domingos até às 14:00

Partilhar Facebook / Twitter