Mónica Calle

O Escuro que te Ilumina
© Rita Carvalho.

O trabalho teatral de Mónica Calle estende-se ao longo de três décadas, e inclui encenações que são consideradas históricas no contexto português. Um destes trabalhos é o Ensaio Para Uma Cartografia, estreado no TNDM II, onde a palavra desaparece para dar lugar à expressão máxima dos corpos e da resistência. O Escuro Que Te Ilumina continua esse trabalho, levando os conceitos de resistência e superação, que estavam no centro da peça, para o espaço público.

A partir de um exercício autobiográfico, cada participante inscreve o seu lugar na performance, a partir da sua experiência emocional individual. O resultado é um movimento performativo conjunto, coreografado como uma unidade e não procurando uma narrativa estabelecida.

Na premissa comum reside a resistência – física e emocional, do conjunto e do indivíduo – num espetáculo sem duração definida. “Uma performance que dependerá dos limites dos próprios intérpretes, em resposta ao esforço, repetição ou condições climatéricas, até que a exaustão desvende o sentido do espetáculo, para os próprios e para o público".

03 MAR 2021
QUA 21:00

04 MAR 2021
QUI 21:00

05 MAR 2021
SEX 21:00

06 MAR 2021
SÁB 19:00

07 MAR 2021
DOM 19:00

Comprar Bilhetes
Anfiteatro ao ar livre
Preço único 7€
Duração não definida
M/16

Cofinanciado pelo programa Europa Criativa da União Europeia no âmbito do projeto Create to Connect / Create to Impact

Create do Connect

Com o apoio

Antena 3

Criação e encenação:

Mónica Calle

Interpretação:

José Miguel Vitorino

Guilherme Barroso

Tiago Mansilha

Miguel Ferrão Lopes

Sofia Dinger 

René Vidal

(+ a confirmar)

 

E ainda, Bruno Candé Marques

Desenho luz:

Daniel Worm

Fotografia:

Rita Carvalho

Produção:

Sérgio Azevedo

ENSAIO PARA UMA CARTOGRAFIA (2018), de Mónica Calle
ENSAIO PARA UMA CARTOGRAFIA (2018), de Mónica Calle
Partilhar Facebook / Twitter