This is a past event.

Motus

MDLSX
© Nada Zgank.

MDLSX is an explosive sound device, a lysergic and solitary hymn to the freedom of becoming, to gender b(l)ending, to being other than the borders of the body, skin colour, sexual organs, other than an imposed or acquired nationality. MDLSX aims at going beyond artistic categories too. It is Silvia Calderoni’s road trip, who – after 10 years with Motus – experiments a DJ/VJ set like format, mixing autobiography and literary evocations, blurring ction and reality. The works of Judith Butler, Donna Haraway, Paul B. Preciado and other bits of the kaleidoscopic universe of Queer weave the background of this “Monster-Performance”.

17 MAR 2018
SAT 21:30

18 MAR 2018
SUN 17:00

Stage of the Main Auditorium
15€
Duration 1h20m
M/16

* Jovens até 30 anos e desempregados 5€ 

Com

Silvia Calderoni

Encenação

Enrico Casagrande e Daniela Nicolò

Dramaturgia

Daniela Nicolò e Silvia Calderoni

Som

Enrico Casagrande em colaboração com Paolo Panella e Damiano Bagli

Luzes e vídeo

Alessio Spirli

Produção

Elisa Bartolucci e Claudia Casalini 

Comunicação 

Marta Lovato

Distribuição internacional

Lisa Gilardino 

Produção 

Motus em colaboração com La Villette – Résidences d’Artistes, Create to Connect, Bunker/Festival Mladi Levi, Festival de Santarcangelo, L’Arboreto, Marche Teatro com o apoio de Instituto Italiano de Cultura, Mibact, Região Emilia Romagna

Estreia 

11 de julho de 2015, Festival de Santarcangelo

About Silvia Calderoni

"Silvia Calderoni deve ser feita de mercúrio, ou algum elemento líquido improvável que ainda não foi descoberto. Certamente que nenhum corpo de carne mortal poderia sofrer transformações tão fluidas como as conseguidas por esta performer notável em MDLSX, a peça que baralha perceções do revolucionário grupo teatral italiano Motus."
Ben Brantley, The New York Times, janeiro 2016

MDLSX by MOTUS (teaser)
MDLSX by MOTUS (teaser)
Share Facebook / Twitter