ANNE TERESA DE KEERSMAEKER, AMANDINE BEYER / ROSAS, GLI INCOGNITI

ANNE TERESA DE KEERSMAEKER, AMANDINE BEYER / ROSAS, GLI INCOGNITI

Mystery Sonatas/ For Rosa

ANNE TERESA DE KEERSMAEKER, AMANDINE BEYER / ROSAS, GLI INCOGNITI

Mystery Sonatas/ For Rosa

© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.
© Anne Van Aerschot.

A música e a geometria sempre foram centrais na obra de Anne Teresa De Keersmaeker. Em Mystery Sonatas/ For Rosa (2022), esses interesses juntam-se na figura da rosa, símbolo antigo do segredo e do mistério. A rosa também significa resistência – cada rosa tem os seus espinhos: o corpo dançante, como indivíduo ou comunidade, torna-se um ato de resistência.

Escritas por volta de 1676 por Heinrich Ignaz Franz Biber, as Sonatas de Mistérios são uma tradução musical dos Mistérios Sagrados da vida da Virgem. Compostas para a prática religiosa e à semelhança do rosário, estes mistérios são divididos em três ciclos: cinco sonatas alegres, cinco dolorosas e cinco sonatas gloriosas. A peça recorre à scordatura, uma técnica altamente virtuosa e executada ao vivo pela violinista Amandine Beyer e seu conjunto Gli Incogniti.

Mystery Sonatas é dedicado a mulheres de resistência – Rosa Bonheur, Rosa Luxemburg, Rosa Parks, Rosa Vergaelen e Rosa, a ativista climática de 15 anos que morreu nas enchentes belgas de 2021.

Mystery Sonatas / for Rosa — Teaser
© Anne Van Aerschot.

25 JAN 2023
QUA 21:00

26 JAN 2023
QUI 21:00

Comprar Bilhetes
Auditório Emílio Rui Vilar
24€ (descontos)
Duração 2h15
M/6

Parceria

Fundação Gulbenkian

Coreografia

Anna Teresa de Kersmaeker

Bailarinos

Cintia Sebők, Laura Maria Poletti, Mariana Miranda, Sophia Dinkel, Frank Gizycki, Jacob Storer, José Paulo dos Santos, Lav Crnčević, Mamadou Wagué, Rafa Galdino

Música

Mystery Sonatas, Heinrich Ignaz Franz Biber

Direção

Amandine Beyer

Músicos

Gli Incogniti: Amandine Beyer, viool / violon / violin Baldomero Barciela Varela, viola da gamba / viole de gambe Ignacio Laguna Navarro, the orbe en barok gitaar / thé orbe et guitare baroque / the orbo and baroque guitar Francesco Romano, aartsluit / archiluth / archluth Anna Fontana, klavecimbel en orgel / clavecin et orgue / harpsichord and organ

Cenário e iluminação

Minna Tiikkainen

Direção de ensaios

Diane Madden, Cynthia Loemij

Figurinos

Fauve Ryckebusch

Pesquisa

Lieze Eneman, Tessa Hall

Direção Técnica

Marlies Jacques

Som

Alban Moraud, Erwan Boulay

Coordenação artística e planeamento

Anne Van Aerschot

Assistente artístico

Martine Lange

Tour Manager

Bert Debock

Coordenador de figurinos

Alexandra Verschueren assisted by Els Van Buggenhout

Costureira

Emmanuelle Erhart, Martha Verleyen, Ester Manas

Guarda-roupa

Ella De Vos, Ester Manas, Emma Zune, Chiara Mazzarolo

Técnicos

Max Adams, Jonathan Maes, Quentin Maes, Olivier De Groelard, Bram Geldhof, Jan Balfoort, Michael Smets, Wannes De Rydt, Clive Mitchell, Bennert Vancottem, Thomas Vermaercke, Thibault Rottiers, Laurie Sanchez, KlaasTrekker, Gabel Eiben

Estagiária

Martha Dewit

Produção

Rosas

Coprodução

Concertgebouw Brugge, De Munt / La Monnaie (Brussel/Bruxelles), Dance Reflections by Van Cleef & Arpels, Théâtre de la Ville à Paris, Spoleto Festival dei due Mondi

Agradecimentos

Ester Manas, Steven Fillet, La Fille d'O, Boštjan Antončič, Michaël Pomero, Marie Goudot, Yuika Hashimoto, David Durán

Estreia 16.02.2022, Concertgebouw Bruges

Esta produção conta com o apoio do  Tax Shelter do Governo Federal Belga, em colaboração com a Casa Kafka Pictures-Belfius. A Rosas é apoiada pela Comunidade Flamenga e pela Fundação BNP Paribas. 

Partilhar Facebook / Twitter