Irma Blank

Blank

Curadoria: Johana Carrier e Joana P.R. Neves

 

O trabalho de Irma Blank nasceu da experiência perturbadora da mudança do seu país natal, a Alemanha, para o do seu marido, Itália. Leitora ávida e amante da língua, aí descobriu que “não existe a palavra certa” e começou a trabalhar na sua primeira série de Eigenschriften (“auto- escritos” ou “escritos por si própria”). A artista, que utiliza o seu próprio corpo, gestos, presença e respiração como ferramentas, considera que todo o seu trabalho é autobiográfico e uma forma de escrita encarnada universal. Na sua obra encontra-se uma interseção entre as representações linguística e visual, na medida em que procura uma forma de purificar a linguagem, libertando-a de significado. A linha, por tradição um instrumento do desenho, serve aqui para desprover a palavra de conteúdo e criar uma transmissão universal.

Blank abrange todos os períodos de produção de Irma Blank, das primeiras séries aos trabalhos mais recentes, com atenção especial aos livros feitos à mão. Tal como aconteceu com tantas outras mulheres da sua geração, a sua obra foi ignorada durante demasiado tempo, estando agora a receber, finalmente, a atenção que merece.

29 JUN
– 8 SET 2019

Galeria
4€
Entrada gratuita aos domingos  Terça a domingo 11:00–18:00

Inauguração 

SEX 28 JUN 22:00 

VISITAS AOS SÁBADOS 

29 JUN 16:00
COM Johana Carrier e Joana P.R. Neves 
6 JUL, 7 SET 16:00
COM Ana Gonçalves 

Visitas à Hora de almoço

4 JUL, 5 SET 13:00
COM Ana Gonçalves

visitas guiadas 

Marcações e Informações
Tel. 21 761 90 78
Email culturgest.participar@cgd.pt

Apoio

IFA
Partilhar Facebook / Twitter